[CANCELADO] MÊS DAS MULHERES NO CHC: Oficina de Epistemologias Feministas:

Início / Categoria Acontece / Acontece / [CANCELADO] MÊS DAS MULHERES NO CHC: Oficina de Epistemologias Feministas:

[CANCELADO] MÊS DAS MULHERES NO CHC: Oficina de Epistemologias Feministas:

*Atividade cancelada

Ministrantes: Gabriela Luiz Scapini e Maria Florência Guarch Ribeiro

A Oficina tem como objetivo instigar o debate sobre as diferentes epistemologias feministas em pesquisas acadêmicas, assim como na prática ativista feminista. Tais perspectivas surgem como um contraponto crítico aos pressupostos epistemológicos e metodológicos da prática científica. Nesse sentido, nos últimos 30 anos emergem diferentes conceitos e instrumentos de análises produzidos por distintas teorias e práticas ativistas feministas. Na oficina serão abordadas algumas dessas contribuições coletivas, tais como o feminismo comunitário e a Jineologî (ciência das mulheres).

 

21 de março de 2020 (sábado)

Horário: 9h às 16h (com intervalo de 1h)

Carga horária: 6h
Classificação: 16 anos

Sem pré-requisito obrigatório.

 

Programa

I – Introdução às epistemologias feministas;

II – Introdução às metodologias feministas;

III – Movimentos Feministas e a guinada à descolonialidade dos saberes;

IV – Atividade reflexiva e colaborativa.

 

 

Sobre as ministrantes:

Gabriela Luiz Scapini

Doutoranda em Sociologia e Mestra em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, bacharela em Ciências Sociais pela mesma universidade. Foi bolsista de Iniciação Científica no projeto Inclusão das Mulheres no Parlamento: Estudo Comparativo entre Brasil e Argentina (2010-2014). Integrou os projetos de pesquisa A presença se converte em idéias? Estudo comparativo entre as deputadas brasileiras e espanholas (2000-2014); Protagonismo político das mulheres nos países Sul-Americanos (2000 -2016): Argentina, Brasil, Chile e Uruguai em perspectiva comparada. Atualmente integra o Núcleo Interdisciplinar de Estudos sobre Mulher e Gênero (NIEM/UFRGS), participando dos projetos Gênero e Juventude no Processo de Socialização e Construção da Cidadania e Memórias e Trajetórias do Feminismo no Brasil e no Grupo de Pesquisa Sociologia Urbana e Internacionalização das Cidades (GPSUIC/UFRGS), integrando o projeto de extensão Mulheres e Cidade. Tem como áreas de interesse: Epistemologias Feministas, Mulheres e Cidades. Direito à Cidade.

Maria Florência Guarch Ribeiro

Doutoranda e mestra (2019) em Ciência Política pelo programa de pós-graduação da UFRGS. Bacharela em Relações Internacionais pela Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA) (2015). Participou como docente voluntária do Pampeano – Cursinho Pré-Enem do Diretório Acadêmico de Relações Internacionais da UNIPAMPA (2014-2015) e dos projetos de extensão Flor de Ceibo e LivraElas em parceria com a Universidad de la República – Centro Universitário de Rivera. Atualmente, faz parte do Núcleo Interdisciplinar de Estudos sobre a Mulher e Gênero (NIEM) e do Grupo de Pesquisa em Processos Participaivos, ambos na UFRGS. Tem experiência na área de política internacioal, com ênfase em epistemologia e teoria política feminista atuando principalmente nos seguintes temas: Epistemologia Feminista, Teoria Política Feminista, Movimento de Mulheres do Curdistão, Confederalismo Democrático e Jineologî.

 

 

Tradução
[google-translator]
Entre em contato

Não está legível? Troque o texto. captcha txt

Digite e pressione "Enter" para realizar sua busca